Próximas exposições em maio 18/04/2017


As próximas mostras no MAM serão em maio. A exposição O impressionismo e o Brasil será aberta ao público dia 16 (ter) de maio às 20h, com curadoria de Felipe Chaimovich e mostrará a revolução na pintura ocorrida com a invenção da tinta a óleo industrializada, na metade do século 19, e o método inventado por Monet e Renoir a partir desse novo produto lançado no mercado.

O aparecimento de novas teorias sobre a luz com a descoberta dos tubos de tinta fez com que os artistas tivessem vontade de descobrir os diferentes efeitos luminosos e liberdade para isso. Pela primeira vez na história, era prático para produzir uma pintura a óleo e acabada no local, seja em um jardim, num café ou no campo.

Com a reunião de quadros a óleo, filmes e experiências interativas, o público compreenderá como o impressionismo só pode ser inventado enquanto método de pintura a óleo com o surgimento da tinta industrial. Será também enfocada a chegada da tinta a óleo industrial no Brasil e a produção impressionista nacional, com exibição de quadros dos principais impressionistas brasileiros.

Também em maio, com curadoria de Felipe Chaimovich, estréia a exposição Cidade da língua: Bompas e Parr.  A exposição trará ao Brasil a dupla britânica Sam Bompas e Harry Parr, internacionalmente conhecidos por suas criações gastronômicas. Suas obras extrapolam a cozinha e ganham uma dimensão fantástica e megalomaníaca.

Arquitetura com comida é o que sugere Bompas & Parr com projetos que exploram os sentidos através da sinestesia, performance e cenário. A dupla criará uma sequência de instalações focada em processos de degustação a partir de uma pesquisa sócio-histórica sobre os hábitos alimentares passados e presentes.

A Sala Paulo Figueiredo abrigará a “Cidade da língua” – uma cidade multissensorial que propõe uma experiência degustativa livre de regras.