Cadê a aranha que estava aqui? 22/05/2017


A obra Aranha (Spider) da artista Louise Bourgeois, ponto de encontro embaixo da marquise, é referência para muitos visitantes do parque Ibirapuera. Localizada ao lado de fora do MAM, numa espécie de aquário, estará em exibição na Oca, na mostra Modos de Ver o Brasil: Itaú Cultural 30 Anos, em cartaz de 25/05 a 13/08.

 

A desmontagem da obra Spider se tratou de uma movimentação delicada que envolveu muita concentração das equipes envolvidas. Veja um pouco do processo na repostagem abaixo:

Especialistas criam técnica especial para desmontar a obra “Spider” do MAM

E para preencher o local vago, a obra escolhida foi Bolha Vermelha de Marcello Nitsche.

Marcello Nitsche surgiu na cena artística brasileira nos anos 1960, como gravador e pintor. Incorporou em suas obras diversos elementos da arte pop e desenvolveu com materiais pouco explorados.

Em 1968, Nitsche fez diversas esculturas infláveis.  Suas Bolhas foram mostradas no Salão Nacional de Brasília e na Bienal de São Paulo, onde apontaram novos caminhos para a escultura ao interferir dinamicamente no espaço de exposição.

O MAM homenageia este grande nome da arte brasileira no ano de seu falecimento.

 

Serviço
Modos de Ver o Brasil: Itaú Cultural 30 Anos
De 25 de maio a 13 de agosto de 2017.
Terça a domingo, 9h às 18h. Livre para todos os públicos. Entrada gratuita.
Oca Av. Pedro Álvares Cabral – Portão 3 – Parque Ibirapuera – SP.