Projeto Parede | Jenny Holzer 28 jan – 15 jun 2014


A hora da verdade

Jenny Holzer, ícone da arte conceitual, expõe no MAM pela primeira vez

Texto é a principal matéria prima da artista americana Jenny Holzer. Ela iniciou sua pesquisa conceitual no final dos anos 1970, explorando o espaço público como suporte para seu trabalho, quase inteiramente composto de palavras e ideias.

A estreia de Holzer aconteceu com os lambe-lambes da série Truisms, de 1977-9. Nesses cartazes, Holzer imprimiu frases como “Você precisa saber onde você acaba e o mundo começa” ou “A revolução começa com mudanças no indivíduo”. Essas frases são exatamente aquilo que o título da série indica: verdades óbvias. No entanto, essas verdades só se tornam realmente potentes quando escancaradas na rua e colocadas, literalmente, na boca do povo.

Das frases de Truisms, Jenny Holzer partiu para os textos de Inflammatory Essays, de 1979-82. Indignação, fúria, ímpeto são alguns dos sentimentos que animam o discurso social da artista. Mais do que inflamados, esses textos são explosivos. Quem passar pelo Projeto Parede de Jenny Holzer que se cuide: corre o risco de se queimar.

Truisms, Inflammatory Essays

Abertura: 28 de janeiro de 2014 (terça-feira), a partir das 20h
Visitação: até 15 de junho de 2014
Local: Museu de Arte Moderna de São Paulo
Endereço: Parque do Ibirapuera (av. Pedro Álvares Cabral, s/nº – Portão 3)
Horários: Terça a domingo, das 10h às 17h30 (com permanência até as 18h)
tel (11) 5085-1300

Entrada gratuita
Agendamento gratuito de visitas em grupo pelo tel. 5085-1313 e e-mail:
educativo@mam.org.br

www.mam.org.br
www.facebook.com/MAMoficial
www.twitter.com/MAMoficial
www.youtube.com/MAMoficial