a cultura do Funk: oficina virtual com Vitinho do Passinho, integrante do Lá da Favelinha Domingo MAM


Data: 13 de julho, 2021
Horário: 16h

 

Além de aprender a dançar o Funk nesta oficina prática, as/os participantes poderão conhecer um pouco da história e dos estilos do passinho e suas vertentes dentro do Funk. Neste encontro, o Funk se apresenta enquanto potência, uma vez que, ao pensarmos em arte brasileira a partir da cultura popular, da diversidade de linguagens, estilos artísticos e grupos étnicos, a dança mostra-se não só como possibilidade de compartilhamento de espaços, mas também como motor de resistência e vida para muitas pessoas.

 

inscrições aqui

atividade gratuita, vagas limitadas
oficina virtual no Zoom, para jovens a partir de 16 anos e adultos
com inscrição prévia
para intérprete de Libras, solicitar pelo e-mail educativo@mam.org.br com até 48hs de antecedência

 

Vitinho do Passinho é estudante de Educação Física na PUC Minas, dançarino, coreógrafo e instrutor. Se destaca no cenário das danças urbanas onde é referência na modalidade de Passinho Foda, ministra oficinas e workshops e realiza apresentações. Vitinho é instrutor de dança no estilo funk do Grupo Identidade, dançarino e coreógrafo do grupo Favelinha Dance e fundador dos grupos Lendários do Passinho, Funk Dancing e New Black Dancers. Também ministrou workshop de passinho e realizou performances na França e na Inglaterra.

Lá da Favelinha 

Centro Cultural independente e sem fins lucrativos que surgiu em 2015. Fundada e coordenada pelo artista Kdu dos Anjos, é uma organização artístico-cultural localizada na vila Novo São Lucas, no Aglomerado da Serra, em Belo Horizonte.

Favelinha Dance

Fundado em 2018, o Favelinha Dance é um grupo de dança que promove estudos relacionados ao funk com a missão de difundir e empreender as danças dentro da cultura do funk. O grupo busca não apenas promover o entretenimento, mas principalmente se engajar em lutas sociopolíticas, a fim de combater a desigualdade social e as violências urbanas e incentivar o protagonismo negro e juvenil e a ocupação de espaços não ocupados pela periferia.

 

Essa atividade faz parte do programa Domingo mam, com patrocínio Tozzini Freire Advogados.

 

Ao participar desta atividade/evento, você autoriza, de forma gratuita e definitiva, o MAM – Museu de Arte Moderna de São Paulo, a utilizar sua imagem, voz, dados biográficos e sinais característicos, captados em vídeo, áudio, fotografia e prints, para fins de registro, divulgação e promoção das atividades do Museu, em quaisquer meios, veículos, suportes, mídias, métodos e tecnologias, tangíveis ou intangíveis. Caso você não queira que sua imagem seja divulgada, por favor informar o MAM (educativo@mam.org.br).